11 de ago de 2014

Momento poesia para passar o tempo...

Insegura

É inseguro que eu fique por uma vida a esperar o que não vai acontecer,
e se eu estiver enganada?
De repente é uma precipitação da minha parte.
Como eu queria que todos os dias fossem primavera e que não houvesse
a chuva da madrugada.
O vento já não trás o cheirinho de terra molhada, apenas uma esperança tardia
do que foi um dia sua chegada...
Insegura prefiro continuar nesse caminho, onde a estrada me leva para satisfazer
as vontades do meu coração...
Pior seria se a minha insegurança impedisse de buscar no que acredito...sempre...



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Feliz por sua visita! espero que tenha gostado e claro seja sempre bem vindo.
Fraterno abraço, desejando felicidades.