2 de jul de 2014

Couve é aliada da dieta e ajuda a prevenir o câncer. Feliz quarta-feira!

Couve é o nome popular de uma das verduras mais utilizadas na culinária brasileira e que pode ser encontrada em outras variedades também, sendo a couve-manteiga a mais comum delas. 
Além de fornecer nutrientes necessários ao nosso organismo, a planta participa diretamente de ações antioxidantes, antiliberação de radicais livres e de antienvelhecimento celular, benefícios que fazem dela um dos melhores alimentos a serem consumidos. 
O grupo das crucíferas, no qual a couve faz parte, contém pigmentos antioxidantes que previnem doenças crônico-degenerativas, incluindo o câncer, visto que essas substâncias induzem enzimas que favorecem ações anticarcinogenesis.  
A couve é uma boa fonte de minerais como ferro, que ajuda a prevenir a anemia, fósforo, importante para os músculos e ossos, cobre, que ajuda na absorção de ferro, manganês e selênio, necessário para a tireoide e também um poderoso antioxidante.  
O alimento também conta com os minerais potássio, um dos responsáveis pela manutenção do equilíbrio hidroeletrolítico, contração muscular, funcionamento cardíaco e participa da transmissão dos impulsos nervosos, e zinco, importante tanto para a síntese de células imunológicas como em sua ação de defesa contra vírus, bactérias e fungos.  
Esta verdura ainda fornece porções consideráveis de cálcio, que ajuda a fortalecer os ossos e dentes, e magnésio, importante para a constituição e bom funcionamento dos neurotransmissores. 
Apesar da presença desses minerais, a couve não é tão biodisponível quanto o do leite, pois, geralmente, nos produtos de origem animal a biodisponibilidade de alguns nutrientes é maior. 
A verdura é rica em fibras, que aumentam a sensação de saciedade, melhoram o trânsito intestinal e evitam picos de glicose, prevenindo assim o diabetes e glicosinolatos, fotoquímicos naturais que têm ação desintoxicante.  
A vitamina A também está presente na couve. Este nutriente é essencial para a visão e para manter a integridade e função das células da pele e das mucosas, contribui para o crescimento, evita infecções e tem ação antioxidante.  
Por ser pobre em calorias, ela é muito utilizada em dietas para redução de peso e tem recomendação diária de 100g, quantidade que possui apenas 25 calorias, e pode ser consumida crua ou cozida sem alterar seu valor nutricional. 
A couve pode ser adicionada em sucos. Assim, é possível ingerir as outras vitaminas das frutas e combinar as fibras com líquidos, o que irá melhorar a ação do nutriente. 
 Os chamados sucos verdes normalmente contém couve, uma fruta e pode ter grãos funcionais e líquidos como água, água de coco ou chás.  

Escrito por:
Durval Ribas Filho

3 comentários:

  1. Boa noite, Nicinha

    Belo e muito interessante texto, Obrigada.

    Beijinhos

    http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  2. Olá!!
    Verdade!!
    Minha filha está fazendo uma dieta em que inclui esse suco verde!!e....
    Emagrece bem!!!
    Post bem interessante!Bjs!

    ResponderExcluir
  3. Olá amiga, vim desejar-lhe um abençoado início de mês.
    A couve é a verdura que mais gosto, obrigada pela informação!
    Doce abraço Marie.

    ResponderExcluir

Feliz por sua visita! espero que tenha gostado e claro seja sempre bem vindo.
Fraterno abraço, desejando felicidades.