8 de mar de 2014

O que é sentir o verdadeiro Amor?

Sabe de algum sistema  moderno que incentive ao Amor?

O segundo maior mandamento consiste em nos dizer que "Tens de amar o teu próximo como a ti mesmo."

Hoje em tempos modernos as campanhas de confraternização estão sempre nos mostrando através da mídia, da internet e em várias religiões de que devemos demonstrar Amor pelos pobres e sofredores...ajudando-os em sentido material e não tirando vantagem de sua situação. 

Longe de ser apenas um sentimento, o verdadeiro Amor promove a Ação na vida das pessoas, compaixão e consideração.

Provavelmente o amor com interesses pessoais sem levar em conta os sentimentos alheios, com o tempo vai se tornando depreciativo mentalmente, é como vestir uma roupa limpa após o banho, tudo não passa de sentimento induzido e com o tempo exato de duração.

Para muitos demonstrar esse sentimento chamado Amor torna-se difícil devido o retorno de um modo geral das pessoas, elas observam com severas criticas como hipocrisia, falsidade, preconceito, incoerências e o tão conhecido desprezo que pelo qual é tão comum; levando até alguns cometerem sérios enganos para com a conduta moral de outros.

As mulheres receberam o privilégio de gerar vidas, de serem observadoras e levar o desejo de seu coração a ter uma influencia  em sua consciência, e o Amor faz parte desta observação.

O Amor também pode ser em forma de gratidão, onde guardar esse sentimento e cultiva-lo constantemente pode gerar situações de merecimento futuro.

Pode até ser muito dificil aceitar que muitas mulheres estejam vivendo com companheiros agressivos, que outras tenham abandonado seus filhos dentro de caixas de papelão entre outras tragédias, o pior de tudo isso é que elas com certeza não receberam o Verdadeiro Amor.

O que é sentir o verdadeiro Amor?

Nicinha


 

8 comentários:

  1. OI NICINHA!
    NÃO SEI COMO PODERIA RESPONDER TUA PERGUNTA.
    MAS, SEI DE UMA COISA COM TODA A CERTEZA, VERDADEIRO, É O AMOR QUE SE DEDICA A UM FILHO.
    PODEMOS AMAR NOSSOS PAIS, MARIDOS OU ESPOSAS, COM MUITA INTENSIDADE E SINCERIDADE,MAS, VERDADEIRAMENTE, AQUELE PELO QUAL SE DARIA A VIDA, ACHO QUE SÓ POR UM FILHO MESMO .(OU NETO).
    ABRÇS
    http://zilanicelia.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Nicinha, o verdadeiro amor, vem sendo muito abalado pelo extremo materialismo da nossa época. Tudo parece esquecer o dever de amar todo mundo. É a partir dai que pode nascer o amor especial, o da família, a base de uma sociedade que se pretende justa e de mão dadas ao amor.
    Beijos

    ResponderExcluir
  3. O MEU SÉTIMO LIVRO “SONHO EMOÇÃO E POESIA”.
    O livro, como todos os livros escritos por mim, estão bem abalizados por vários leitores. São esses, a quem o livro se dirige que podem ter a palavra, já que o autor, ao fazer o elogio, pode sempre ser considerado suspeito.
    Um livro, uma obra, é acima de tudo uma proposta feita aos possíveis leitores.
    O autor, como académico, pertence à ALAF – ACADEMIA DE LETRAS E ARTES DE FORTALEZA, CEARÁ.
    Para o Brasil, Chamo a atenção que Banco Postal, que há um em todas as capitais estatais (em cerca de 600 cidades), que faz o cambio e envio do custo, neste caso de 10.00 €uros, o seu custo
    Peça, enviando morada para: dan.costa@zonmail.pt – Receba o livro, envie pagamento depois.

    PARA APERITIVO LEIA ABAIXO, UM POEMA DO LIVRO:



    PRIMAVERA DA VIDA

    Façamos dos nossos dias uma alvorada
    Estejamos sempre na Primavera da vida
    Esta terá de ser sempre amada
    Viver é como sentir o perfume da giesta
    Que dela sejamos sempre enamorados
    Para que andemos em contínua festa
    Vivamos sempre o amor com ditos e piropos
    Ainda que a desgraça que no mundo grassa
    Seja de nos trazer loucos
    Devemos dar exemplos de alegria
    Para vergonha de muitos governantes taralhocos
    Que se julgam fadados para a mestria
    Porém acabam por comandar naves
    Ocas, que mais ocas transformam a cada dia
    Revelam desamor pelo mundo
    Revelando muita cobardia
    Apenas sabem conduzir um mundo muito seu
    Onde só exista a sua mordomia
    Procuremos sempre amar
    Esmagar com optimismo tanta fantasia
    Que por nós passa, como se fosse graça
    De quem julga saber de alquimia
    Como se vivesse noutro planeta
    Onde não houvesse a luz do dia
    Façamos da vida uma permanente Primavera
    Aprendamos a ser modernos
    Gritemos bem alto: estamos noutra Era!...
    Tenhamos amores sempre modernos e eternos
    Que a Primavera da vida seja pura alegria quisera
    Um mundo vivificado
    Não uma permanente quimera!

    Daniel Costa

    ResponderExcluir
  4. [a gente vê por aí sintomas
    de carência/comodismo/
    apego aos bens/solidão
    serem confundidos com amor
    e gerando frustrações....

    adorei teu post. muito bem fundamentado]

    abç e bom domingo

    ResponderExcluir
  5. Um belo momento, um texto lindo q faz pensar, meditar sobre este sentimento q move ao mundo chamado amor q por vezes tanto falta em tantos atos de desamor, pra vc amiga beijnhos e beijinhossssssssssssssssss

    ResponderExcluir
  6. Acho que o verdadeiro amor é o que vem acompanhado de respeito. É não ficar cobrando o retorno do outro, é estar presente mesmo distante e sempre sempre querer o bem da pessoa.

    Vim retribuir sua visita ao meu blog e dizer que adorei o seu comentário.
    É bem-vinda!
    Beijos

    ResponderExcluir

  7. Gocemos de las pequeñas cosas que la vida nos ofrece;
    para encontrar la verdadera felicidad
    no necesitamos ser ricos o poseer grandes bienes,
    sólo necesitamos tener riqueza en el corazón
    y llenarlo con cosas positivas.

    Bendiciones en abundancia para ti
    y para toda tu familia en esta bella
    y esplendida semana que hoy comienza.


    Un abrazo de felicidad para ver el horizonte
    con la consabida ilusión y apertura de ilusiones.


    Atte.
    María Del Carmen




    ResponderExcluir
  8. 1 Coríntios 13:4-13

    4- O amor é sofredor, é benigno; o amor não é invejoso; o amor não trata com leviandade, não se ensoberbece.

    5 Não se porta com indecência, não busca os seus interesses, não se irrita, não suspeita mal;

    6 Não folga com a injustiça, mas folga com a verdade;

    7 Tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta.

    8 O amor nunca falha; mas havendo profecias, serão aniquiladas; havendo línguas, cessarão; havendo ciência, desaparecerá;

    9 Porque, em parte, conhecemos, e em parte profetizamos;

    10 Mas, quando vier o que é perfeito, então o que o é em parte será aniquilado.

    11 Quando eu era menino, falava como menino, sentia como menino, discorria como menino, mas, logo que cheguei a ser homem, acabei com as coisas de menino.

    12 Porque agora vemos por espelho em enigma, mas então veremos face a face; agora conheço em parte, mas então conhecerei como também sou conhecido.

    13 Agora, pois, permanecem a fé, a esperança e o amor, estes três, mas o maior destes é o amor.

    ResponderExcluir

Feliz por sua visita! espero que tenha gostado e claro seja sempre bem vindo.
Fraterno abraço, desejando felicidades.