17 de set de 2013

Nossos jovens e o emprego dos sonhos.

Quem de nós já não passou pelo sufoco do desemprego?
O desejo de encontrar uma atividade melhor do que a que temos?
Aumentar nossa fonte de rendimentos trabalhando menos, rsss
Isso já vem desde a época de nossos avós, onde na verdade poderiamos começar a trabalhar aos 12 ou 14 anos de idade, eu mesma comecei a trabalhar aos 13 anos com carteira assinada.

Em algum tempo o governo não se limitava em fiscalizar se a empresa havia ou não meios de segurança, os chamados IPI - para evitar mutilações de membros do corpo do trabalhador.
Lembro que na década de 80 surgiram as primeiras cooperativas, mas ainda muito timidas não se ouvia dizer que era um meio de trabalho seguro e favorável.

Hoje em dia tenho vários conhecidos que estão passando por essa fase de desemprego, excelentes profissionais porém de idade não convidativa ao mercado de trabalho, mesmo com uma grande bagagem profissional e experiência de muitos anos em empresas de médio e grande porte.

Ainda se condena e é usual a discriminação por causa da idade, cursos profissionalizantes atualizados, sempre vendo também até a quantidade do transporte que o "desempregado" utiliza se for mais que 2 conduções corre o risco de não conseguir a vaga de emprego.

Bem isso é apenas uma pequena introdução e de certa forma uma pequena indignação da minha parte, porque sou contra destes e de  outros meios que hoje são usados para contratar adultos profissionais no atual mercado de trabalho.

E então o que dizer do jovem atual desta década?
Desemprego de jovens é fruto de rotatividade.
O jovem hoje é ambicioso, não perde tempo com itens que não o complete no estilo moda, cursos que deseja fazer e também no seu lazer.

De acordo com uma nota técnica publicada no número 55 do boletim Mercado de Trabalho, os jovens não tem dificuldade de entrar no mercado de trabalho, porém as contratações e demissões são mais frequentes e os períodos de emprego, mais curtos.
Ou seja da mesma forma que o jovem consegue o emprego se ele não gostar ele sai em pelo menos 3 dias.
E no meu ponto de vista, essa rapida admissão e demissão não permite que o jovem adquira experiencia.
Também não vejo com boas expectativas que não é dificil para os jovens conseguirem emprego, na comparação com trabalhadores com mais de 25 anos. No entanto, os mais jovens perdem o emprego com mais frequencia pela falta de um curso técnico ou superior que o mercado exige, localização e a falta de apoio e orientação de seus pais ou responsáveis.

Nicinha

14 comentários:

  1. Interessante tema e uma realidade dos jovens dos dias de hoje.
    bjs
    Ritinha

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fiquei muito entristecida com essa situação Ritinha; o jovem hoje no Brasil e porque não dizer no mundo está passado por uma situação calamitosa.
      Bjs

      Excluir
  2. BOA TARDE Nicinha

    Muito interessante este artigo. Pois eu também estou desempregada, é a 3ª vez que me encontro nesta situação... Actualmente é difícil arranjar, pois a minha idade já não é muito convidativa, embora eu pense que daria muito mais rendimento que um jovem. Pois, mas os jovens também não conseguem, de que vale o curso que tiram? Depois se vão à procura têm habilitações a mais, e não aceitam. Tenho um caso no ceio da minga família, Engenheira alimentar, e sujeitou-se a trabalhar como se não tivesse nada.... apenas para poder trabalhar e descontar, esperando assim por um futuro melhor...

    É assim que está o meu País!!! Velhos para trabalhar, e novos para a reforma.

    GOSTEI MUITO!
    Beijos


    http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O desemprego abala o ser humano de qualquer idade.
      Pessoas achegadas estão em atividades totalmente diferentes daquilo que um dia vieram a se preparar e até chegaram a atuar, porém hoje para poder manter pelo menos as necessidades básicas sujeitam-se em outras atividades.
      Também já estive desempregada e também desenvolvi atividades totalmente inversas ao que trabalhei por um periodo de quase 20 anos, mas estou aqui vivendo um dia por vez até conquistar a linha de chegada, mas acredito que tudo vai dar certo, no tempo certo para todos nós.
      Bjs

      Excluir
  3. Um tema realmente importante e que preocupa. Adorei aqui e lá a caricatura feita pelo Milton que arrasa sempre! beijos,chica

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Somos responsáveis pelos nossos jovens, então o treinamento para uma vida de responsabilidades começa em casa.
      Real a bonequinha que fez para mim é lindinha, eu classifico como um agradecimento pelos 312 seguidores que o Perseverança tem hoje.
      E você Chica faz parte e agradeço pelo respeito sempre regado de carinho, seja sempre bem vinda.
      Bjs

      Excluir

  4. Olá Nicinha,

    Bom dia!
    Chego em sua casa por intermédio do Milton, que fez a sua caricatura. Ficou excelente. Ele é muito talentoso com o que faz.

    Infelizmente, a discriminação relativa à idade é muito comum no mercado de trabalho, embora as pessoas com mais idade tenham mais experiência e responsabilidade e seriam de grande valia para as empresas. Aliás, não deveria haver qualquer tipo de discriminação no momento de avaliar um candidato a emprego, a não ser quanto às suas condições de desenvolver bem o trabalho proposto e seus antecedentes.
    Quanto aos jovens, alguns instáveis, posto que ainda não descobriram as suas aptidões, tendem a não permanecer no emprego. Outros, mais ambiciosos, fazem trampolim de emprego a emprego até se instalarem numa empresa que oferece possibilidade de crescimento. Outros, ainda, não se prepararam suficientemente para o mercado e são substituídos pelos mais preparados. Assim, perdem os jovens e perdem as empresas.

    Ótimo dia.

    Beijo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Seja bem vinda Verinha!!!Milton é uma daquelas pessoas que colocam o amor em tudo que realizam e por sequencia suas obras são excelentes.
      Agradeço seu comentário sobre o assunto de hoje, me senti muito triste de presenciar essa situação com pessoas achegadas a mim. Então postei minha opinião, desabafei...
      Bjs

      Excluir
  5. Vivemos num mundo que enaltece uma PERFEIÇÃO criada única e exclusivamente por gente que não consegue se colocar no lugar dos outros e compreender os vários tipos de limitações de cada pessoa, então na ânsia de contratar funcionários perfeitos e completamente eficientes muitos ficam de fora, mesmo que sejam pessoas capacitadas... Vai entender o que esperam de nós... Um lugar ao SOl hoje em dia é questão de muitos fatores na meioria das vezes completamente subjetivos...
    Um abraço, minha querida!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quando temos alguma deficiencia somos tratados com grande "esculacho", passamos por analfabetos e incompetentes, humilhações seguem por todas as categorias profissionais e também pela internet.
      Seu comentário esta perfeito e além do que realmente aparentemetne mostra nos sites,parabéns e muito obrigada.

      Excluir
  6. Querida amiga,
    Vim agradecer sua presença lá no meu cantinho!
    Obrigada de todo o coração pelo seu carinho!
    Um lindo dia para você!
    Abraço amigo!
    Maria Alice
    Htts://www.facebook.com/mariaalicefcerqueira
    http://www.mariaalicecerqueira.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Maria Alice, eu que agradeço, diria que gentileza gera gentileza e um grande companheiro para isso ir adiante é o RESPEITO.
      Para você também um lindo dia e uma semana abençoada.
      Bjs

      Excluir
  7. Felizmente trabalhei uma vida inteira SEM NUNCA estar desempregado...Fui um felizardo

    Sei que muita gente, incluindo familias inteiras, estão no desemprego. Deve ser horrível

    Deixo abraço
    ******************************
    http://pensamentosedevaneiosdoaguialivre.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Preocupante por demais Ricardo.
      Imagine acordar pela manhã e não ter para onde ir, não saber que rumo tomar e se souber somos perseguidos pela expectativa, uma situação muito desagradavel.
      Abraços

      Excluir

Feliz por sua visita! espero que tenha gostado e claro seja sempre bem vindo.
Fraterno abraço, desejando felicidades.