12 de mar de 2013

O que aconteceu com a paciência?

A Impaciência não é algo novo.
Não é de hoje que as pessoas perdem a paciência quando estão presas num congestionamento ou esperando numa fila; e penso que nunca foi tão comum como agora e por motivos que podem surpreender você.
Tenho observado que muitas pessoas são menos pacientes hoje por causa da tecnologia.
A tecnologia digital, incluindo coisas como celulares, câmeras, emails e ipods, está mudando nossa vida...
Os resultados imediatos que essa tecnologia oferece tem aumentado nosso apetite por gratificação imediata em outras áreas da vida.
Nos tornamos uma cultura de gratificação imediata e esperamos que as coisas aconteçam sem demora, sem erros e da maneira como queremos. Quando isso não ocorre, a tendência é ficarmos cada vez mais frustrados e irritáveis.
E isso já é um sinal de sermos IMPACIENTES, desaprendemos a arte de diminuir o ritmo e aproveitar melhor os momentos.
Alguns acreditam  que o e-mail está perdendo popularidade e poderá ficar ultrapassado em breve; isso poderá ser  por que as pessoas não tem paciência de esperar por algumas horas ou até mesmo minutos para receber uma resposta.
E quando vamos responder ou recebemos as respostas se observarmos teremos ai erros gramaticais, e parece que ninguém tem paciência para digitar saudações bem-educadas e também não se tem tempo para revisar o que se escreve; em resultado disso, as cartas e e-mails vão aos destinatários tão logo a pessoa entenda que já se finalizou  a resposta.
E com toda essa falta de paciência não percebemos que falando, comendo fazendo compras ou dirigindo nosso carro, estamos indo rápido demais? e o que dizer de esperar o elevador, o semafôro abrir ou o computador iniciar pode ser uma eternidade!
O que aconteceu com a paciência?  não sabemos ao certo pois são tantos os motivos que não percebemos que entramos  numa situação de impaciência e que isso é prejudicial para nossa saúde.

RISCOS À SAÚDE 

A  impaciência  está associada à frustração, irritação e raiva.
Esses sentimentos podem aumentar o nível de estresse, consequentemente  prejudicando a saúde.   
impaciência é um fator de risco para a hipertensão, até mesmo entre jovens adultos.
A falta de paciência pode resultar em outros problemas de saúde, como a obesidade, as pessoas impacientes  são mais propensas a ser obesas do que as que sabem esperar; em alguns lugares, é muito fácil encontrar fast-food  a qualquer hora do dia, e muitas pessoas impacientes não conseguem resistir à tentação.
Abuso de álcool e violência: 
Pessoas impacientes tem mais probabilidade de se envolver em violência após uma noitada de muito álcool, drogas ou que já venham passando por algum problema pessoal, qualquer situação que não lhe agrade já é motivo para partir para uma briga.
Geralmente tomam decisões precipitadas e impensadas.
A impaciência tem um preço; isso inclui dinheiro, amigos, dor, sofrimento e inúmeras outras consequências simplesmente porque a impaciência costuma ser seguida de más decisões.
Procrastinação 
As pessoas impacientes tendem a se tornar procrastinadores crônicos, por não ter paciência acabam por não concluir deixando sempre para depois; isso prejudica muito a produtividade no trabalho e pode sair caro para a pessoa, visto que ela vive adiando sempre alguma "coisa" ou "situação".
Prejuízos 
Dificuldades financeiras com certeza acontecem para os impacientes , sair comprando por impulso e a excessiva ganância pode induzir a pessoa realizar compras sem necessidade e acabam em emprestimos bancários, financiamentos, bloqueios nos cartões de créditos, dividas que rolam por anos.
Verdadeiros amigos 
Será que existe verdadeiro amigo que suporte um comportamento inquieto? a comunicação entre as pessoas próximas podem correr o risco de perderem o respeito entre si; alguém que não tem paciência para manter uma conversa significante tende a falar sem pensar.
Também pode ficar irritada quando outros falam.
Uma pessoa assim não tem paciência para esperar a outra terminar de expressar suas ideias; então, o ouvinte impaciente termina as frases de quem está falando ou procura maneira de apressar a conversa.
No resumo essa pessoa sem paciência não atrai em nada as pessoas, ela aos poucos sem perceber os ditos "amigos" se afastam, e no mundo em que vivemos se torna cada vez menos encontrar alguém que queira ajudar a mostrar onde você está agindo sem PACIÊNCIA.

No meu ponto de vista, continuo acreditando na proximação entre as pessoas, mas tudo somente será possível com muita PACIÊNCIA, cada um de nós tem que ceder um pouquinho.

Nicinha








12 comentários:

  1. Realmente precisamos muito dela, pois a cada dia, parece mais motivos para perdê-la nos surgem. Trabalhá-la e exercitá-la, para nosso bem,é preciso!

    beijos,chica

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente querida Chica, é como beber água é necessário, beijokas

      Excluir
  2. Respostas
    1. será amigo? tenho até medo, pois as pessoas andam muito grosseiras mentalmente, agradeço sua visita, abraço

      Excluir
  3. Olá, doce Nicinha!!! Não é à toa que dizem que a paciência é a maior das virtudes. Belo, oportuno e enriquecedor texto! Grande abraço, Nicinha!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Agradeço sua visita sempre com respeito e carinho, abraço fraterno

      Excluir
  4. Sempre com ótimas reflexões,também concordo que vivemos em uma sociedade imediatista e cada vez esse problema piora, eu bem que gostava dos tempos da cartinha, quando o gostoso era ficar na expectativa da chegada do carteiro, hoje vejo muitos casai em restaurante que nem conversam mais por que ficam só nos seus celulares , a tecnologia tirou muito o convívio social pessoal e transformou em digital.beijos fica com Deus!!!
    http://blogdonadecasatambemsearruma.blogspot.com/
    http://deusguianossospassos.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. amadinha, se eu não escrever no que acredito, de nada servirá o blog, sua observação é bem clara, os casais hoje em dias (alguns) conversam mais por celular do que pessoalmente...
      ainda bem somos e procuramos a proximação diária de forma diferente.
      Beijinho

      Excluir
  5. Me chamou a atenção o seu link logo de cara.
    Os tempos modernos está refletindo nessa paracinância toda dos seres humanos.
    O seu artigo é atual e bem reflexivo, as minúcias deve ser lida e espalhada por entre todos os que aqui vem curiosar.
    Parabéns
    Abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lu, agradeço suas palavras e posso considerar como complemento da postagem, super abraço.

      Excluir
  6. Meus cumprimentos Nicinha por seu belo texto,tao significativo importante e principalmente atual,que nos ocorre em nosso dia-a-dia!
    Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Meu poeta amado, agradeço pela visita e claro por palavras sempre tão gentil, abraço fraterno

      Excluir

Feliz por sua visita! espero que tenha gostado e claro seja sempre bem vindo.
Fraterno abraço, desejando felicidades.