6 de dez de 2012

Espumas ao vento...


Espumas ao vento


Composição: Acioly Neto
Interpretação: Raimundo Fagner


Sei que aí dentro, ainda, mora um pedacinho de mim
Um grande amor não acaba assim
Feito espumas ao vento
Não é coisa de momento, raiva passageira
Mania que dá e passa feito brincadeira
O amor deixa marcas que não dá pra apagar

Sei que errei, tô aqui pra te pedir perdão
Cabeça doida, coração na mão
Desejo pegando fogo
Sem saber direito a hora e o que fazer
Eu não encontro a palavra, só pra te dizer:
- Ai, se eu fosse você, eu voltava pra mim de novo

Sei que aí dentro, ainda, mora um pedacinho de mim
Um grande amor não acaba assim
Feito espumas ao vento
Não é coisa de momento, raiva passageira
Mania que dá e passa feito brincadeira
O amor deixa marcas que não dá pra apagar

Sei que errei, tô aqui pra te pedir perdão
Cabeça doida, coração na mão
Desejo pegando fogo
Sem saber direito a hora e o que fazer
Eu não encontro a palavra, só pra te dizer:
- Ai, se eu fosse você, eu voltava pra mim de novo

E de uma coisa fique certa, amor
A porta vai estar sempre aberta, amor
O meu olhar vai dar uma festa, amor
Na hora que você chegar
(Bis)

Sei que errei, tô aqui, pra te pedir perdão
Cabeça doida, coração na mão
Desejo pegando fogo
Sem saber direito a hora e o que fazer
Eu não encontro a palavra, só pra te dizer:
- Ai, se eu fosse você, eu voltava pra mim de novo

E de uma coisa fique certa, amor
A porta vai estar sempre aberta, amor
O meu olhar vai dar uma festa, amor
Na hora que você chegar
(Bis)

http://www.beakauffmann.com

14 comentários:

  1. Todos nós erramos, mas nem sempre conseguimos aceitar a realidade.

    Tudo de bom.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Com certeza meu irmão a realidade para alguns é como uma faca enfiada dentro do coração, mas acredito na proximidade das pessoas e no arrependimento, pois nosso Pai Celestial nos dá essa oportunidade durante nosso percurso de vida e nesta vida.
      Abraço

      Excluir
  2. È verdade Nicinha, o amor é um dos nobres e belos sentimentos, eu sinceramente vivo o amor constantemente em diversas formas e maneiras de amor e de amar... Beijinhos...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exatamente, nós também vivemos intensamente a harmonia e respeito pelo nosso semelhante.
      Abraço fraterno.

      Excluir
  3. obrigado por sua visita, adoro essa conexão...

    ResponderExcluir
  4. Olá minha amiga,

    Espumas aos Vento uma canção maravilhosa.
    pedir perdão é divino.
    O amor é a direção e o combustível da nossa vida.

    Obrigada minha querida pelas palavras inteligente que sempre deixa no meu blog.

    Deixo um grande abraço!
    Ótimo fim de semana!

    Clica Refletindo Smareis

    ResponderExcluir
  5. Quanta literatura, quanta música celebram o amor! [sorrio]
    A propósito, por acaso, gosta de literatura amadora? >>> O http://jefhcardoso.blogspot.com anseia por seu comentário. Abraço e bom final de semana!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Agradeço pelo elogio, gosto sim de tudo isso que vc falou, em breve estarei visitando sua página, Bj

      Excluir
  6. Oie..
    Boa noite!!
    Quero lhe convidar para você participar do meu blog...
    http://pedacodeumalma.blogspot.com.br/
    É tudo novo lá.
    Pode ser?
    Bjs e flores
    Fica com Deus.

    ResponderExcluir
  7. Um abraço para aí, nesta minha 1ª visita!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aguardo com expectativa sua 2º visita, abraço fraterno.

      Excluir
  8. Adoro essa musica, muito contente por vê-la aqui.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou, indique quais músicas gostaria de ver aqui no Perseverança, será um prazer receber sua indicação, Bj

      Excluir

Feliz por sua visita! espero que tenha gostado e claro seja sempre bem vindo.
Fraterno abraço, desejando felicidades.