25 de jul de 2012

Já pensou alguma vez em desistir da vida?

Já pensou alguma vez em desistir da vida?
Todo dia quase 3 mil pessoas tiram a própria vida no mundo inteiro.
Quando alguém  se sente sufocado pelas ansiedades da vida, ele talvez pense em cometer suicídio para fugir do sofrimento.
O que você pode fazer se essa ideia já passou pela sua cabeça?
As pessoas sofrem muito com as pressões do dia a dia.
Pesquisas mostram que a maioria das pessoas que tiram a própria vida tem um histórico de depressão; isso indica um acompanhamento especializado, um médico pode receitar algum medicamento ou sugerir ajustes na alimentação, ou uma terapia diversificada de acordo com o caso da pessoa, em alguns casos um programa de exercícios pode ajudar no tratamento.
Para muitas pessoas, esses cuidados médicos  têm sido eficazes.

Familiares e amigos íntimos geralmente são os primeiros a perceber que alguém angustiado está tendo pensamentos suicidas .

Sua iniciativa pode salvar a vida dessa pessoa.

Seja compreensivo ao ouvi-la.
Não minimize  as dificuldades que ela está enfrentando.
Insista para que a pessoa aflita procure ajuda e, se necessário, certifique-se de que essa ajuda foi providenciada.
Um texto bíblico para nos ajudar a manter um amparo sincero para essa pessoa e que você poderá até ler para ela é o 1 Tessalonicenses 5:14 
"Falai consoladoramente às almas deprimidas" 

Abrir-se  com outras pessoas pode diminuir a intensidade de seus sentimentos e ajudá-lo a encarar seus problemas de outro ângulo.

Em nossa leitura diária, reuniões constantes para edificação do que aprendemos e observando temos de entender que o mundo passa por uma séria de situações, sejam elas de doenças ou guerras, e mais uma vez a Bíblia pode nos mostrar que estamos realmente em "tempos críticos e difíceis de manejar.
Então o ouvidor de oração e orientador maior de nosso coração nos mostra que em nossas orações sinceras podemos nos refugiar.

"Não estejais ansiosos de coisa alguma, mas em tudo, por oração e súplica, junto com agradecimento, fazei conhecer as vossas petições a Deus; e a paz de Deus que excede todo pensamento, guardará os vossos corações e as vossas faculdades mentais por meio de Cristo Jesus."
Filipenses 4:6,7

Para alguns o benefício da oração são apenas psicológicos, mas o conceito da Bíblia é diferente.
Daí a importância de saber escolher melhor as amizades, entretenimentos e saber e ter coragem quando se fizer necessário afastar-se daquilo que não nos acrescenta em nada.
Essa atitude poderá ajudar a não ter pensamentos suicidas.

Perseverança

13 comentários:

  1. Belíssimo texto!
    Amiga, está cada vez mais difícil encontrar alguém que nos escute de verdade. Muitas vezes estamos conversando com alguém e este alguém sai com uma pergunta (ou um aparte),um assunto que não tem nada a ver com o que estávamos falando.Claro que fica evidente que a pessoa estava "viajando"...É complicado, muito complicado.beijos e muita paz.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Por isso tenho sempre diariamente o comportamento de relevar muita coisa, afinal os problemas alheios se não podemos resolve-los pelo menos nos observar se não estamos cometendo os mesmos erros.
      Bj

      Excluir
  2. Então, eu gostei do seu "Então", e confesso que gostei foi muito de você ter me visitado. Então... espontaneidade é o que há, é divertido, demonstra um quê de jardim, coisas assim, chuva fininha, voo de andorinhas, canto de passarinho... Mas eu li a matéria acima, olha, que caminho mais bonito e útil você encontrou para compor o seu blog, menina! É verdade, a depressão e a ansiedade carecem do maior cuidado, eu tenho exemplos no meio familiar de que como isso gera conflitos, dor, desajustes, mexe com todo mundo, afinal. A minha válvula de escape é a poesia, acho que todo mundo tem que encontrar uma. Claro, existem remédios, um blog assim como o seu, ainda há pessoas boas neste mundo que nos escutam, têm consideração e bondade, mas estimular as pessoas a encontrar algo que lhes algum sentido é algo muito bom, e, sinceramente, não é só para a depressão e ansiedade, é para qualquer pessoa. Há mil saídas ou válvulas de escape, como caminhar, ver árvores, fazer artesanato, ler, fazer palavras cruzadas; conheço pessoas que curaram suas depressões e ansiedades criando animais de estimação... É como o seu blog sugere, precisamos ter perseverança, acreditar sempre, estarmos sempre ativos, não deixar a peteca cair. É isso, ENTÃO! Mas eu quero mais ENTÃO`S, você me deixou mal acostumado. Brincadeira com fundo de brincadeira. Bom, muito boa mesmo a matéria, você está fazendo algo muito nobre, na acepção maior do termo. Abraços muito legais.

    ResponderExcluir
  3. Sou fã de carteirinha deste espaço e sempre que posso visito.
    É muito edificante poder ler palavras de otimismo e poder acreditar em algo sempre ABSOLUTO que nunca nos deixa.
    Abraços e sempre grata pelo seu carinho no INPERCEPÇÔES...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gentileza gera gentileza, e os comentários edificantes são a energia para nunca pararmos de dizer algo que provavelmente tenha sempre alguém necessitando ouvir ou ler.
      Grande beijo.

      Excluir
  4. Olá amiga! Não tem como não sentir o carinho de tudo que você escreve! O texto de hoje é profundo e muito sério...
    Muito válidas as palavras de ajuda que você deixa, no final... sou sua fã!
    Amiga, obrigada pelo carinho de sempre!
    Deus te abençoe.
    Josi

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quando começamos a escrever devemos ter em mente o que de bom podemos colocar na internet, afinal é uma rede mundial e o mundo está passando por sérias situações; então se é para dizer que seja dito o que realmente faça algo de bom, que seja a diferença entre o que se é válido e assim superar o imprestável.
      Beijo.

      Excluir
  5. ola amiga estou bem sim graças a Deus estive sem postar alguns dia mas estou de volta e estarei sempre nesse espaço fazendo comentários pois é um lugar bom de se estar para poder ler coisas que nos faz bem grande abraço...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom Dna.Cecilia que a senhora está bem, agradeço pelo carinho sempre tão aberto e verdadeiro.
      Beijinho

      Excluir
  6. Muito interessante este seu dissertar por um assunto de grande interesse.
    É verdade que a vida é difícil e nem todos aguentam a pressão, mas vamos olhar em frente.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sempre seguindo adiante respeitando o nosso semelhante e relevando a fraqueza do outro, pois a pressão mundial é intensa e tende a ficar pior.
      Grande abraço.

      Excluir

Feliz por sua visita! espero que tenha gostado e claro seja sempre bem vindo.
Fraterno abraço, desejando felicidades.