13 de jul de 2011

QUAL A DIFERENÇA DO LIXO SECO E DO LIXO ÚMIDO?

Com o objetivo de conscientizar a população sobre a importância de separar o lixo adequadamente e, consequentemente, facilitar o trabalho dos catadores de materiais recicláveis, o Ministério do Meio Ambiente lançou a campanha “Separe o lixo e acerte na lata”, em parceria com o Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome. A iniciativa visa abordar também a utilização da reciclagem do lixo para ajudar na preservação de recursos naturais.

Quando os resíduos das casas são separados corretamente em lixo úmido (ou orgânico) e lixo seco, os catadores têm acesso mais rápido e higiênico aos itens descartados e conseguem recolher uma quantidade maior de material e aumentar a renda com a venda dos resíduos. Isso significa também que mais lixo será reciclado, o que ajuda o país a estar cada vez mais no caminho de solucionar o problema do lixo e a mobilizar a sociedade para essa causa.

Como separar o lixo adequadamente?
Para colocar em prática essa atitude, é necessário saber identificar os tipos de resíduos. Confira a seguir o que faz parte do lixo úmido e do seco:



Fonte: PORTAL NACIONAL DA SAÚDE/MINISTÉRIO DO MEIO AMBIENTE

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Feliz por sua visita! espero que tenha gostado e claro seja sempre bem vindo.
Fraterno abraço, desejando felicidades.