6 de dez de 2010

BENEFICÊNCIA E PACIÊNCIA - 94 SESSÃO -


Beneficência, sim, para com todos:
Prato dividido.
Veste aos nús.
Remédio aos doentes.
Asilo aos que vagueiam sem teto.
Proteção à criança sem teto.
Auxílio ao ancião em desvalimento.
Socorro às viúvas.
Refúgio aos indigentes.
Consolo aos tristes.
Entretanto, é preciso estender a bondade igualmente em outros setores:
Compreensão em família.
Trabalho sem queixa.
Cooperação sem atrito.
Pagamento sem choro.
Atenção a quem fale, ainda mesmo sem qualquer propósito edificante.
Respeito aos problemas dos outros.
Serenidade às provocações.
Tolerância para com as idéias alheias.
Gentileza na rua.
A beneficência pode efetuar prodígios, levantando a generosidade e conquistando a
gratidão; contudo, em nome da caridade, toda beneficência, para completar-se, não pode
viver sem a paciência.

"A caridade é paciente e benigna..." - Paulo
(I CORÍNTIOS, 13:4.)
O nosso novo revestimento de vida não nos permite viver de forma diferênte.

Um comentário:

  1. Olá, blogueiro(a)!

    Nesta semana o mundo todo celebra o Dia Mundial de Luta Contra a AIDS.

    Abrace essa causa! Milhões de pessoas lutam, todos os dias, com um grande problema: o preconceito. Viver normalmente com o vírus HIV é possível, é real, e está cada vez mais comum.

    Utilize seu blog, seja parceiro dessa campanha, e mostre a todos que você também acredita em um mundo onde SOMOS IGUAIS!

    Assista e divulgue o vídeo da campanha: http://bit.ly/hiJ1rn

    Acesse: www.todoscontraopreconceito.com.br

    Para ter acesso ao material de divulgação, entre em contato com comunicacao@saude.gov.br.

    Obrigado!
    Ministério da Saúde
    Siga-nos no Twitter: www.twitter.com/minsaude

    ResponderExcluir

Feliz por sua visita! espero que tenha gostado e claro seja sempre bem vindo.
Fraterno abraço, desejando felicidades.