3 de fev de 2010

ANJO BARROCO.

ANJO BARROCO
Nasceram asas
No anjo barroco
De colorido apagado

Aquele que mora no templo
Templo mais que sagrado
Adornado por pepitas de ouro

Anjo de madeira
Cortada por goivas afiadas
Com traços marcantes

Anjo ladeado por santos
Aqueles, vindos de todos os lados
E que hoje, adormecem no escuro

Voa anjo barroco !
... O céu ainda é seu.

Renato Baptista
Academia da Poesia

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Feliz por sua visita! espero que tenha gostado e claro seja sempre bem vindo.
Fraterno abraço, desejando felicidades.